fbpx

Festival diwali e a ligação com Sita e Rama

Você já ouviu falar sobre o festival de Diwali (festival da luzes)? E você sabe de onde que surgiu essa maravilhosa comemoração?  

 

Tudo começou com o amor de Rama e Sita, no qual, o casal teve muitas dificuldades para ficarem unidos. Rama foi príncipe muito corajoso e herdeiro de Ayodhya, considerado  o 7º avatar de Vishnu, aquele que protege o universo e Sita é filha de Bhumi (mãe da terra), avatar de Lakshmi, Sita foi prometida a se casar com quem era capaz e erguer e encordoar o enorme arco de Shiva.
 Rama com toda sua bravura conseguiu erguer ,dobrar e quebrar em pedaços o arco sem esforço nenhum, assim, conquistando o amor de Sita e o direito de casar com ela.  Ao se casarem foram expulsos pelo rei por 14 anos de cidade sagrada Ayodhya, o rei ao banir seu enteado nomeou seu filho Bharat como o novo rei, dessa forma, se inicia a jornada de Rama à uma floresta ao sul da Índia junto à Sita e Lakshmana, seu irmão.
O rei dos demônios chamado Ravana se encantou por Sita, fazendo com que um dos seus demônios se transformasse em um cervo para raptá-la, mas, essa tentativa do rei não deu certo, não satisfeito criou mais um plano, dessa vez Ravana se disfarçou de um idoso e Sita caiu na armadilha saindo do círculo mágico de proteção criado por Rama e Lakshmana (irmão de Rama).
Rama e seu irmão foram atrás da trilha deixada por Sita para que a encontrassem, mas essa trilha levou até Hanuman ( o rei dos macacos),  os dois pediram ajuda para Hanuman, que voou por muito tempo até achar Sita que estava em um lugar chamado Lanka,  voltou para reunir seu exército e  todos animais para construir uma extensa ponte e travar a grande batalha que durou dez dias. Rama atirou uma flecha no coração do demônio Ravana, depois de ganhar a batalha Rama e Sita decidiram voltar a Ayodhya, já que haviam se passado os 14 anos de exílio.
Com a volta do casal para a cidade, os moradores deixaram as ruas limpas, cheia de guirlandas de flores espalhadas e o chão  todo iluminado, em cada casa  havia uma diva (lamparina)  pendurada na janela com a intenção de guia-los até o palácio, parecia que a cidade tinha mais luz do que o céu. A partir desse dia na cultura hinduísta é comemorando durante o outono o Diwali ( festival das luzes), pois toda vez que ocorre essa celebração faz relembrar que a verdadeira luz e a bondade sempre vence a escuridão e o mal.  E por fim, esse passa tempo mostra o amor eterno de Rama e Sita construindo com muito respeito, cuidado e amor completo.

 

Veja esse casal cheio de luz: http://Panô Rama, Sita, Hanuman e Lakshmana

Namastê!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *